/ junho 5, 2016/ Aleatório, Palavras ao Vento

Era um garoto, que como eu…
…acredita na vida plenamente…
…traça seu destino pelo instinto…
…reza pelo dia do amanhã…

E…

…Como tantos, entre deveres e obrigações, ainda…
…sonha por um mundo melhor…
…engole as lágrimas nas horas difíceis…

Mas…

…A vida não para e ele continua…
…lutando por um mundo digno…
…na batalha, dia a dia com fé…
…(sobre)vivendo esse dia a dia…

Tudo vale a pena, quando a alma não é pequena…

Share this Post

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>
*
*