Category Archives: Contos

Contos livres

A Bruxa do Destino

A Bruxa do Destino

A mente agitada me intriga. São palavras que vem e vão, se ligando e desligando umas das outras, em uma valsa constante. E o branco da tela continua branco, nada surge além de ideias desconexas. Em um dedilhado rápido vem a primeira frase. Aquela que dará abertura e ritmo a

Read More

Devaneios Noturnos Aleatórios: Janela Indiscreta

Devaneios Noturnos Aleatórios: Janela Indiscreta

Noite de sábado, um convite, argumentos e argumentos, reclamações, indignação. Uma balada, música eletrônica, um calor infernal, uma muvuca descontrolada, corpos suados que não se cansam. O aniversariante, um amigo, anos sem contato. Pessoas desconhecidas, assuntos levianos, bebidas e mais bebidas, sorrisos falsos, cara de paisagem. Desconforto, muito desconforto. No

Read More

Jogos Mortais: Infância Roubada

Jogos Mortais: Infância Roubada

Amélia, 14 anos, filha de pais ricos. Sorriso de menina, corpo de mulher formada e um sorriso fantástico que atiçava qualquer libido dos mais adultos homens que encontrasse. Gostava de brincar de sedução, dar chances, pistas, criar o momento e escapar no último segundo. Em um certo dia de verão,

Read More

Rats

Rats

Conversando com um amigo, este me contou que morou uns anos na Índia, onde estudou e se encontrou com seu eu interior. Se tornou assim, um guia espiritual. Não que eu seja fã ou creia em determinadas coisas ou assuntos. Mas este assunto certamente me chama a atenção. E no

Read More

Jogos Mortais: Escolhas

Jogos Mortais: Escolhas

“Uma coisa tão Simples, quanto o bater de asas de uma borboleta, pode causar um tufão do outro lado do mundo.” A vida é um caminho sem volta. Você faz escolhas e escolhas e escolhas. E cada uma dessas escolhas te define um caminho, que certamente por ter sido escolhido,

Read More

Jogos Mortais: Despertar ao Pesadelo

Jogos Mortais: Despertar ao Pesadelo

Ela, uma senhora na meia idade. Casada há anos, confiava em seu marido, vivia sua vida para ele. E em tantos anos, todos os dias, a mesma rotina. Se houvesse uma receita exata pra se criar rotina, ninguém melhor do que ela para escrever como e o que fazer. E assim

Read More

Jogos Mortais: Acelerado

Jogos Mortais: Acelerado

A vida é algo fantástico. É uma mistura maluca de conexões, sensações, sentimentos, situações, para não dizer memórias. Algumas, boas, outras ruins, e em sua grande maioria, marcantes. Boas como sensação de leveza, aquele café com pão de queijo no fim da tarde, que você sorri só de lembrar. Ruins como

Read More